Zircão/Zircon:

Descrição:

O zircão é um mineral silicato conhecido por sua beleza e alta durabilidade. Sua composição química é representada pela fórmula ZrSiO4, onde átomos de zircônio (Zr) se combinam com silício (Si) e oxigênio (O). O zircão é um tectossilicato, pertencendo ao grupo mineralógico que leva o mesmo nome. Esse mineral exibe uma ampla variedade de cores, incluindo incolor, marrom, vermelho, amarelo, verde e azul. Devido à sua beleza e resistência, o zircão é frequentemente usado em joalheria como gema preciosa e em revestimentos industriais. O zircão é encontrado em rochas ígneas e metamórficas e pode ocorrer como cristais prismáticos ou granulares. Sua estabilidade química e física faz com que seja um dos minerais mais antigos da crosta terrestre, resistindo a processos de intemperismo e erosão. Além de seu uso na joalheria, o zircão também é aplicado na indústria de cerâmica, refratários, cerâmica técnica e na fabricação de abrasivos. Devido à sua resistência ao calor e à corrosão, o zircão é essencial em aplicações industriais que requerem alta performance, como em revestimentos refratários para fornos, como revestimento em reatores nucleares e em aplicações de cerâmicas avançadas.

Propriedades Químicas:

Classe: Silicato.

Fórmula: (ZrSiO4).

Elementos listados: Zircônio (Zr), silício (Si) e oxigênio (O).

Propriedades Físicas:

Cor: Vermelho, Azul, Verde, MarromAmarelo, Incolor, Cinza.

Clivagem: Clivagem prismática indistinta.

Brilho: Adamantino, resinoso, gorduroso, vítreo. Diafaneidade: Transparente, translúcido ou opaco.

Sistema: Tetragonal.

Classe cristalográfica: Bipiramidal ditetragonal. Dureza: 7,5.

Fratura: Conchoidal.

Copyright © 2023 Luís Fernando Silva. Todos os direitos reservados.